Prosa@Poesia

Por costume não ofende

Alexandre Pilati Publicado em 17.07.2009

*

o que é o mundo?

reluir – querer teu corpo
e não tua boca
que ela é nojo

um monstro coletivo cafuas
certezas anos que perdi
o que desacreditei das coisas e das idéias
fixas e finas

o que é o mundo?

senão essas falar de jagunços senões
multas que avultam adversativamente
e a firmeza da vida no impulso de cor
de uma rosa

o mundo é aluir ao miolo da mulheres
sucos que há nelas em seus gritos
em pedras que gritam árcades
ameaças e silêncios

três vezes quero saber: o que é o mundo?

há quem procrie ou procure e não pergunte
eu pernoito dúvidas e não amanheço
que é o mundo? é quase besta
de gente
feita de pau
secas folhas frutos não
brita a pique frágil, frágil
no entanto corre alguma brasa
um estouro com o nome de vida
o poema não pega mas vinga
espanto!