O que você está procurando?
América Latina
América Latina em Destaque

O lugar do Sul na política externa brasileira do governo provisório

Desde seus primeiros minutos em ação, o governo provisório, liderado pelo presidente interino Michel Temer, já reiterou por diversas vezes seu intuito de resgatar a credibilidade internacional entre investidores estrangeiros e fortalecer a inserção da economia brasileira no mercado

O golpe de Estado de 2016 no Brasil

Vamos dar nome aos bois. O que aconteceu no Brasil, com a destituição da presidente eleita Dilma Rousseff, foi um golpe de Estado. Golpe de Estado pseudolegal, “constitucional”, “institucional”, parlamentar ou o que se preferir. Mas golpe de Estado.

Amorim: Golpe no Brasil é preocupante para vizinhos

Amorim destacou que em poucos dias, o presidente interino, Michel Temer, implementou uma “mudança total” de governo sem legitimação do povo. “Outro aspecto que torna muito grave é que um projeto de visão nacional que muda sem que tenha

Brasil sob fogo da guerra contrainsurgente na América Latina

“Imagens da guerra contrainsurgente que os Estados Unidos aplicam de forma simultânea se vêem todos os dias em vários países da região, para fazer-nos lembrar de que a ofensiva está ativada e que não há nenhum tipo de ocultação

O vento gelado de golpe que sopra do Norte sobre a América Latina

Velhos perigos, todos bem conhecidos rondam pelas esquinas da América Latina. Mais de uma década de esperança – corporificada nos experimentos sociais na Venezuela – parecem agonizar. A ‘maré rosada’ de vitórias eleitorais, da Venezuela à Bolívia e para

O Brasil no Contexto dos Golpes do Século XXI

Cabe rememorar que as ditaduras militares na América Latina entre as décadas de 1960 e 1980 emergiram, sem exceção, profundamente articuladas à dinâmica internacional: Brasil em 1964, Chile em 1973, Argentina e Uruguai em 1976. Ou seja, não é

Tentativa de golpe no Brasil faz América Latina se levantar

Na sexta-feira (18), o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos, Luis Almagro, defendeu a continuidade da Operação Lava Jato, mas reiterou que não há fundamento jurídico para tirar a presidenta Dilma Rousseff do cargo. Segundo ele, a líder da