Boas vindas ao Portal Grabois, conheça nossa marca
O que você está procurando?
Oriente Médio

A proclamação da República

Essas duas correntes do republicanismo estavam ligadas a distintas bases sociais. A reformista era composta, fundamentalmente, por elementos vinculados à aristocracia agrária. Os radicais às parcelas urbanas, especialmente às classes médias. O republicanismo moderado – ou conservador – tinha

Fotomontagem novo governo do Afeganistão

O novo governo provisórios dos Talibãs

Após 23 dias da tomada de Cabul, a capital do Afeganistão, pelo grupo guerrilheiro de camponeses Talibãs, finalmente foi anunciado um novo governo. Mas, este será provisório. Ele, por certo, reflete as dificuldades iniciais deles se firmarem no poder

novo governo talibã em 2021

Uma possível análise marxista sobre o governo dos Talibãs

Neste meu novo ensaio sobre a temática internacional, sigo ainda no tema Afeganistão. Neste trabalho procuro desenvolver uma análise marxista sobre o que lá ocorreu. Procuro definir algumas coisas, fatos e fenômenos, bem como esclarecer sobre termos e palavras

A percepção da imprensa estrangeira sobre o 7 de Setembro com Bolsonaro

A cobertura da imprensa estrangeira sobre o 7S, focou principalmente no baixo efeito das manifestações bolsonaristas. Como o presidente colocou todas suas fichas nelas, o resultado foi considerado decepcionante diante das expectativas golpistas e violentas prometidas. As bravatas do

Quando ameaças de Bolsonaro configuram crime de responsabilidade

  Juristas acusam crime de responsabilidade de Bolsonaro Juristas ouvidos pela TV Globo e a GloboNews afirmaram que o presidente Jair Bolsonaro (ex-PSL) cometeu crime de responsabilidade ao afrontar princípios constitucionais, como ao dizer que não vai cumprir decisões do ministro do Supremo Tribunal

Observatório da Democracia lança manifesto em defesa do Brasil e contra o golpe

Leia o manifesto ‘Pela Democracia, pelo Brasil. Contra o golpe.’ O governo autoritário, obscurantista e incompetente que para desgraça nacional ocupa Brasília desde janeiro de 2019, em plena decadência e diante de seu evidente fracasso em todos os campos,