Em nota, o Partido Comunista da Espanha (PCE) celebra a vitória de Lula como presidente do Brasil. De acordo com o PCE, a vitória “consolida o triunfo da onda progressista na região, tornando realidade a possibilidade de tecer uma verdadeira integração latino-americana de todos os povos do continente”.

A esperança mais uma vez venceu o medo e Lula, após obter mais de 50% de apoio nas urnas, venceu o segundo turno das eleições presidenciais.

Apesar do lawfare e da violência política exercida pelo derrotado Bolsonaro, o triunfo da democracia e da justiça social sobre o fascismo é hoje uma realidade no Brasil. As tentativas de golpe do bolsonarismo horas antes do encerramento do dia das eleições, mobilizando a Polícia Rodoviária Federal para realizar operações que impediriam as pessoas do Nordeste, reduto de Lula, de ir à votação, não deram frutos e Lula ganhou uma vitória que consolida o triunfo da onda progressista na região, tornando realidade a possibilidade de tecer uma verdadeira integração latino-americana de todos os povos do continente.

O Partido Comunista da Espanha reitera suas felicitações ao povo brasileiro e ao presidente Lula da Silva.

Rejeitamos qualquer possibilidade de interferência externa e conclamamos a extrema direita brasileira a respeitar os resultados.

Alberto Garzón, líder do PCE.