O que você está procurando?
EUA
A busca infrutífera do gene de Caim

A busca infrutífera do gene de Caim

Nos últimos anos a discussão sobre a determinação genética do comportamento humano reapareceu com força. O crime, a violência, a inteligência, o homossexualismo, o machismo (e seu correlato, a “feminilidade”) são cada vez mais vistos como determinados geneticamente –

A vitória de Clinton e a crise americana

No dia 3 de novembro passado, com a eleição do candidato democrata Bill Clinton para a presidência dos EUA, encerrou-se naquele país um reinado do Partido Republicano iniciado em 1980 e que compreendeu dois períodos de Reagan e um

O voto distrital na Europa e EUA

É bastante atual resenhar a tese de mestrado da advogada Iclea Hauer da Silva, à cadeira de Direito Político da UFRJ, apresentada em 1985, sob orientação do Prof. Arno Wehling. Intitulada “O Voto Distrital”, a tese estuda a conveniência

Propriedade intelectual e coerção liberalizante

Propriedade Intelectual, GATT e Rodada Uruguai têm sido termos normalmente ausentes do quotidiano da opinião pública brasileira. A súbita notoriedade que o primeiro item passou a ter em anos recentes prende-se, principalmente, ao contencioso com os Estados Unidos a

BIPOLARIDADE NÃO É MAIS A CARA DO IMPERIALISMO

Ao fim da Segunda guerra mundial correspondeu o início da bipolaridade entre Leste e Oeste. A vitória da URSS socialista sobre o nazifascismo, liderando uma série de países do Leste europeu, que iniciavam o processo de construção do socialismo,

Os Congressos da II Internacional (1893 e 1896)

A idéia de se reunir periodicamente, idealizada pelo Congresso de 1889 em Paris, frutifica, o que leva as diversas correntes socialistas européias a voltarem a se congregar em anos posteriores, de maneira ordenada e politicamente determinada. Assim, em 1891,

A Experiência Socialista na URSS

Mas alguma coisa de muito grave aconteceu depois disto. A tal ponto que o atual dirigente soviético, Mikhail Gorbachev, confessou, em seu livro Perestroika, que, na segunda metade dos anos 1970, "o país começou a perder impulso (…). Começaram

NA PRIMEIRA PÁGINA

Com semelhante declaração, ameaça a todos os países do Hemisfério, em especial aos que se situam na área da América Central. Em essência, quis dizer que onde forem contrariados os interesses norte-americanos aí intervirá o poderio militar da superpotência