O que você está procurando?

Colunas

Besouro caçando águia

Na coletânea de estudos Losurdo, presença e permanência, recentemente publicada pela editora Anita Garibaldi, lembramos que bem antes de se tornar um dos mais importantes autores marxistas de seu tempo, ele já obtivera amplo reconhecimento  acadêmico por seus estudos

A contra ofensiva do Exército sírio

Em 17 de janeiro deste ano, o jornal francês Le Canard Enchaîné (= “O Pato Acorrentado”, título intencionalmente irônico, mas que cairia bem para designar os paneleiros da Fiesp) publicou pequeno artigo a respeito dos “soldados turcos que entraram

Che Guevara:  o anti-imperialismo em atos

CONFIRA O ESPECIAL: CHE GUEVARA, 1928-1967 Uma entranhada presença… Logo no início de 1997, em prefácio à reedição francesa de seu O pensamento de Che Guevara , Michel Lowy perguntou se ainda era possível “compreender as razões de Ernesto

Germinal III: América Latina e Brasil

Qual é a sua avaliação sobre a tática da esquerda (partidária, sindical e de movimentos sociais) na América Latina e Central e no Brasil a partir do século XXI na perspectiva da luta contra o imperialismo e em defesa

A crise e os muçulmanos

4. Ante os levantes que ocorrem na Europa, América do Norte e América Latina, podemos falar em uma classe para si orientada por um projeto histórico claramente configurado? Não chamo genericamente “levantes” as manifestações que têm ocorrido nas metrópoles

Imperialismo, Crise e Educação (1a. Parte)

IMPERIALISMO, CRISE E EDUCAÇÃO foi o tema central da revista eletrônica Germinal, v. 4, n. 1 (2012). Da discussão do tema fez parte um bloco de questões em formato de entrevista que me foram submetidas por Celi Nelza Zulke

PM e Veja, prioridades educacionais de Alckmin

Uma vez mais, no início de dezembro, o governador Alckmin recorreu ao argumento da força, lançando tropas de choque da PM contra a juventude estudantil, que se mobilizara para denunciar a chamada “reorganização” das escolas da rede pública. Mais

Cria corvos e eles te comerão os olhos

Os massacres balísticos desfechados no Afeganistão (2001) e no Iraque (1990, 2003) pelo bloco imperialista hegemônico tiveram custo muito alto e resultados não garantidos para os agressores. A chamada “primavera árabe”, expressão que hoje soa como uma ironia macabra,

Contra o avanço do atraso

Às vésperas da apoteose reacionária de 15 de março passado, os chefetes coxinhas mais otimistas anunciavam ao cartel dos capitalistas mediáticos (sempre prontos a apoiá-los) que esperavam juntar cem mil manifestantes na Av. Paulista. Juntaram o dobro, o que

De Aécio a Marina: a revoada dos abutres

Eleito governador de MG em 2002 e reeleito em 2006 com confortável maioria, o garboso tucano das Alterosas seguira fielmente o “pensamento único” neoliberal, promovendo privatizações, “enxugamento” de empregos, redução das prestações sociais do Estado, degradação dos serviços públicos.