O que você está procurando?
O desafio de conter o declínio do império

A Formação do Gigante Norte-Americano

A expansão a partir da Guerra de Secessão o findar a Guerra de Secessão, o processo de industrialização da economia americana se aprofundou de maneira impressionante. O que chama a atenção é a velocidade das transformações. Em menos de

Estados Unidos da América: origens do “capitalismo bandido”

Riquezas, mitos e ineditismos fartos: a história dos EUA, além de tudo, é “da reza um terço”, como diz nossa rica sabedoria popular, referindo-se à grande parte das coisas desconhecidas. No caso das raízes classistas dos donos do império

Crítica do antiamericanismo

Crítica do antiamericanismo

As idéias aqui esboçadas têm tudo a ver com a eleição de Barack Obama em 4 de novembro de 2008, mas evitam vaticínios categóricos sobre o que serão os próximos anos da trajetória americana (1). Limitam-se a defender, com

O Partido Comunista dos EUA e a eleição de Obama

Princípios: Qual a opinião do Partido Comunista sobre a eleição de Barack Obama como 44o presidente dos EUA? Della Piana: Acreditamos que ele tenha dado apenas a partida a um processo. É um começo em muitos aspectos: trata-se do

Obama: Até onde vão as mudanças?

Obama: Até onde vão as mudanças?

Princípios: Qual o significado político da vitória de Barack Obama nas eleições presidenciais norte-americanas? Luis: Eu destacaria dois aspectos. O primeiro e mais imediato é que a eleição de Obama representa uma derrota da política do governo Bush. Não

Mútiplas Américas, um só Obama

Histórica, transformadora, inédita: muitos são os adjetivos utilizados para explicar a eleição presidencial dos Estados Unidos em 2008, quando Barack Obama, do partido democrata, sagrou-se vitorioso frente a seu oponente republicano John McCain, em uma campanha sustentada em slogans